A Casan realizou nesta terça-feira, 25, mais uma etapa de concretagem do segundo tanque do complexo sistema que forma a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Balneário Barra do Sul.

O tanque que vem sendo construído será responsável por decompor a matéria orgânica que será coletada pelo sistema de esgotamento sanitário. Até o momento, 180 metros cúbicos de concreto já foram utilizados neste segundo tanque.

A ETE foi projetada para Tratamento Terciário, processo que remove inclusive fósforo e nitrogênio do efluente final. Esse é considerado um dos mais complexos e completos sistemas de depuração do esgoto doméstico.

O Tratamento Terciário conta também com desinfecção por ultravioleta. Depois de tratado, o efluente será devolvido a um dos principais canais naturais da região, o Canal do Linguado, contribuindo para a balneabilidade das praias da região.

A ETE começou a ser construída em julho do ano passado, com as equipes de trabalho seguindo todos as normas sanitárias de prevenção à Covid-19. Passados dez meses, cerca de 60% da execução civil está concluída, com uma estimativa de término até o início do próximo ano, quando a estação estará pronta para receber as instalações elétricas, seguindo dos equipamentos.

NOVA ELEVATÓRIA
A construtora responsável pela execução dos serviços inicia nos próximos dias a construção da quarta estação elevatória responsável por bombear até a Estação todo o esgoto coletado em 3.091 residências atendidas nesta etapa do projeto. Ao todo, serão seis elevatórias. Não haverá transtornos à mobilidade das pessoas.

LIGAÇÕES NÃO ESTÃO AUTORIZADAS
A CASAN lembra, porém, que os moradores ainda não podem conectar o esgoto doméstico aos tubos coletores. Para que o esgoto seja devidamente coletado e tratado, todo o Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) deverá estar concluído e em operação. A interligação, agora, traria graves prejuízos ao ambiente da região, inclusive à balneabilidade das praias.

Texto e fotos, Felipe Franco
FRANCO! Comunicações
(47) 9 9926.3924

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Barra do Sul.