A Câmara de Vereadores de Barra do Sul está construindo uma sede própria. Desde setembro do ano passado, o Legislativo da cidade vem erguendo a casa. Com dois andares, a Câmara ficará no Loteamento Rosa, na região central. A obra irá custar R$ 270 mil e deve estar pronta em setembro.

No começo do ano passado, o prefeito Antônio Rodrigues (PT) doou ao Legislativo um terreno de 1,792 mil m². Com o espaço, mas sem o dinheiro para fazer a obra de uma só vez, a Câmara resolveu construir em duas etapas.

No primeiro momento, ao custo de R$ 96 mil, foi realizada a terraplenagem e montados os alicerces do prédio. Agora, o Legislativo vai investir na segunda etapa da obra, que terá um custo de R$ 175 mil. O local terá seis gabinetes, uma sala de comissões e um plenário. Cada partido terá direito a um gabinete.

Segundo o presidente da Câmara de Barra do Sul, Gildo Sousa Martins (PR), foram usadas as sobras do repasse constitucional da Prefeitura para o Legislativo para realizar a obra. Atualmente, o Legislativo desembolsa R$ 2,025 mil por mês com locação de um imóvel na região central de Barra do Sul.

Fonte: A NOTÍCIA

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Barra do Sul.